sexta-feira, 30 de janeiro de 2009

InterAgir - Ações de Advocacy em HIV/Aids para a comunidade de Gays e outros HSH - Curitiba, 28,29 e 30 de janeiro de 2009

Projeto InterAgir “Ações de Advocacy em HIV/Aids para a comunidade de Gays e outros HSH” - Curitiba, 28,29 e 30 de janeiro de 2009.

Contribuir para o enfrentamento da epidemia e redução da incidência do HIV/Aids e outras doenças sexualmente transmissíveis (DST) entre gays e outros homens que fazem sexo com homens (HSH), por meio da qualificação de organizações da sociedade civil e ações de advocacy, este é o objetivo do Projeto ReaGir “Ações  de Advocacy em HIV/Aids para a comunidade de gays e outros HSH”. O projeto tem financiamento do Programa Nacional de DST/Aids (PN) e tem como proponente a Associação Paranaense da  Parada da Diversidade (APPAD) e conta com a parceria de sete organizações das cinco regiões do Brasil.

Deu início nesta quarta-feira (28) e segue até sexta-feira (30) a reunião de planejamento do projeto. Estão reunidos em Curitiba representantes da APPAD, do Programa Nacional de DST/Aids do Ministério da Saúde e das organizações parceiras do projeto: Grupo Somos de Porto Alegre (RS), Movimento Gay de Alfenas (MG), Grupo Leões do Norte de Recife (PE), Grupo Liberdade Igualdade e Cidadania Homossexual de Feira de Santana (BA), Grupo Homossexual do Pará de Belém (PA), Associação de Travestis e Transexuais de Mato Grosso do Sul e a Secretaria da região Sudeste (Belo Horizonte-MG) da Associação Brasileira de Gays, Lésbicas, Bissexuais Travestis e Transexuais - ABGLT. O projeto tem como consultores Cecília Simonetti da Pathfinder do Brasil de Salvador (BA) e Toni Reis do Grupo Dignidade/ABGLT de Curitiba (PR).

O Programa Nacional de DST/Aids esta representado na reunião pelas assessoras técnicas Bárbara Graner e Vera Lopes. Para Bárbara Graner, o objetivo deste momento estratégico é consolidar uma visão comum entre as entidades que compõem o projeto, bem como as formas de implementação e capilarização da proposta. “É importante reafirmar que este propósito é fortalecer uma resposta em rede dos movimentos sociais de gays e outros HSH no enfrentamento da epidemia de Aids e outras DST nas suas diversas formas e contextos, considerando as diversas vulnerabilidades enfrentadas por esse segmento social. Isso só será efetivo se a implementação da proposta atentar para a consolidação de uma ação estratégica de responsabilidade conjunta entre movimento social e poder público, em suas três esferas de gestão, uma vez que a reversão do contexto epidemiológico do HIV/Aids e outras DST em gays e outros HSH só será possível se o alcance da implementação desta proposta incidir de forma estratégica nas diversas realidades locais”. Diz Graner.

Para Igo Martini, coordenador geral do projeto, o objetivo final deste projeto é que os municípios e os estados ampliem e aloquem recursos para a melhoria e ampliação das ações de prevenção em HIV/Aids para a comunidade de gays de HSH. “Em média, os investimentos atuais estão na casa de 2% para ações de prevenção neste segmento. Isso inviabiliza novas intervenções e ampliação das atividades de prevenção em HIV/Aids”, afirma Martini.

Representantes das organizações parceiras do Projeto:
-      Beto Paes - Grupo Homossexual do Pará – Belém (PA).
-      Rafael Carvalho - Grupo Liberdade, Igualdade e Cidadania Homossexual - GLICH – Feira de Santana (BA).
-      Rildo Veras - Movimento Gay Leões do Norte – Recife (PE)
-      Cris Stefanny - Associação das Travestis do Mato Grosso do Sul – Campo Grande (MS).
-      Marcelo Dias - Movimento Gay de Alfenas e Região Sul de Minas – Alfenas (MG).
-      Carlos Magno - Secretaria da Região Sudeste da ABGLT – Belo Horizonte (MG).
-      Rodrigo Collares - Somos: comunicação, saúde e sexualidade – Porto Alegre (RS)

Informações adicionais:
-      Igo Martini – Coordenador geral do Projeto  - (41) 3222 3999 / (41) 9602 5984
-      Márcio Marins – Presidente da APPAD  - (41) 3222 3999 – (41) 9109 1950
-      Barbara Graner e Vera Lopes – Programa Nacional de DST/Aids do Ministério da Saúde – (61) 3448.8122 / 3448.8026

Nenhum comentário:

Postar um comentário